Monthly Archive fevereiro 2017

ByContato - Campus de Diamantino

Comis­são de Éti­ca da Une­mat apre­sen­ta Regi­men­to Inter­no

Nes­ta manhã (24.02) mem­bros da Comis­são de Éti­ca da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so (Une­mat) par­ti­ci­pa­ram de uma vide­o­con­fe­rên­cia com a rei­to­ra Ana Di Ren­zo e o pró-rei­tor de Admi­nis­tra­ção, Val­ter Dan­zer.  Os mem­bros da Comis­são vem tra­ba­lhan­do em sua regu­la­men­ta­ção e na pre­pa­ra­ção de mate­ri­ais de divul­ga­ção des­de julho de 2015, quan­do foi cri­a­da. Será pro­pos­to por ad refe­ren­dum no pró­xi­mo Con­se­lho Uni­ver­si­tá­rio (Con­su­ni) da Ins­ti­tui­ção o regi­men­to inter­no apre­sen­ta­do hoje pela Comis­são.

A Comis­são tam­bém está pre­pa­ran­do a Car­ti­lha de Éti­ca que será dis­tri­buí­da para todos os ser­vi­do­res da Ins­ti­tui­ção. O mate­ri­al que está em fase de dia­gra­ma­ção será dis­tri­buí­do nos meses de abril e maio.

São mem­bros da Comis­são de Éti­ca as pro­fes­so­ras Feran­da Mos­se­li­ne Josen­de Coan, Leo­nar­da Gril­lo Neves e Maria Eloi­sa Mig­no­ni e os pro­fis­si­o­nais téc­ni­cos do Ensi­no Supe­ri­or, Adri­a­na Rodri­gues dos San­tos de Cam­po, Lui­za Ber­na­de­te Faria da Sil­va e Regi­nal­do Lopes Alen­car.

As comis­sões de éti­ca nas ins­ti­tui­ções esta­du­ais de Mato Gros­so atu­am em con­so­nân­cia com o Con­se­lho de Éti­ca Públi­ca do Esta­do (Con­sep), vin­cu­la­do ao Gabi­ne­te de Trans­pa­rên­cia e Com­ba­te à Cor­rup­ção (GTCC).

Tam­bém par­ti­ci­pa­ram da vide­o­con­fe­rên­cia o pró-rei­tor de Assun­tos Estu­dan­tis, Cel­so Fanaia Tei­xei­ra e a ser­vi­do­ra Ana Lúcia Mat­ti­el­lo.

Comis­são de Éti­ca da Une­mat — Ori­en­ta e acon­se­lha sobre a éti­ca fun­ci­o­nal do ser­vi­dor públi­co, no tra­ta­men­to com as pes­so­as e com o patrimô­nio públi­co esta­du­al. Tam­bém é de com­pe­tên­cia da Comis­são o conhe­ci­men­to con­cre­to de atos sus­cep­tí­veis de adver­tên­cia ou cen­su­ra éti­ca, pre­vis­tas na Lei Com­ple­men­tar Esta­du­al Lei nº 112 de 2002 que ins­ti­tui o Códi­go de Éti­ca Fun­ci­o­nal do Ser­vi­dor Públi­co Civil do Esta­do de Mato Gros­so.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10697/Comiss%E3o%20de%20%C9tica%20da%20Unemat%20apresenta%20Regimento%20Interno

ByContato - Campus de Diamantino

Téc­ni­cos da Une­mat con­clu­em capa­ci­ta­ção em pro­ces­so de aqui­si­ções

Os ser­vi­do­res da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so (Une­mat) par­ti­ci­pa­ram de cur­so de capa­ci­ta­ção onde rece­be­ram ori­en­ta­ções sobre ins­tru­men­ta­li­za­ção de pro­ces­sos de aqui­si­ções gover­na­men­tais e con­tra­tos admi­nis­tra­ti­vos, em Cui­a­bá. Com iní­cio na segun­da-fei­ra (20) e con­clu­são hoje (24), o cur­so teve dura­ção de 20 horas e os par­ti­ci­pan­tes rece­be­ram o cer­ti­fi­ca­do logo ao tér­mi­no do cur­so. A pedi­do da Uni­ver­si­da­de, a Esco­la de Gover­no ofer­tou o cur­so inti­tu­la­do ‘Ela­bo­ra­ção de Ter­mo de Refe­rên­cia’.

Ao todo, 22 ser­vi­do­res de todos os câm­pus da Une­mat foram con­vi­da­dos a par­ti­ci­par da capa­ci­ta­ção. O cur­so desen­vol­veu com­pe­tên­ci­as teó­ri­co-prá­ti­cas quan­to à Ela­bo­ra­ção de Ter­mos de Refe­rên­cia e Pro­ces­sos de aqui­si­ções gover­na­men­tais, bem como geren­ci­ar e moni­to­rar os pro­ces­sos das aqui­si­ções.

O cur­so foi minis­tra­do pela ana­lis­ta da Área Meio do Esta­do, Rozi­mei­re Sati­ko Shi­mi­zu, gra­du­a­da em Eco­no­mia pela Uni­ver­si­da­de Fede­ral de Mato Gros­so (UFMT) e espe­ci­a­lis­ta em Admi­nis­tra­ção Con­tá­bil, Finan­cei­ra e Audi­to­ria no Setor Públi­co.

A ser­vi­do­ra Edneia San­tos, do cam­pus de Nova Mutum, res­sal­tou que o cur­so foi pro­vei­to­so. “Apren­de­mos na prá­ti­ca a ela­bo­ra­ção de ter­mo de refe­rên­cia para poder­mos sis­te­ma­ti­zar os pro­ce­di­men­tos de lici­ta­ção e dar mais cele­ri­da­de aos pro­ces­sos de aqui­si­ções”, con­tou Edneia. “As capa­ci­ta­ções na área de aqui­si­ções devem con­ti­nu­ar para que a uni­ver­si­da­de atin­ja exce­lên­cia nos seto­res de aqui­si­ções”, dis­se a ser­vi­do­ra.

O pró-rei­tor de Admi­nis­tra­ção, Val­ter Gus­ta­vo Dan­zer, afir­ma que a qua­li­fi­ca­ção do qua­dro de ser­vi­do­res é neces­sá­rio. “A qua­li­fi­ca­ção é neces­sá­ria para que todos pos­sam auxi­li­ar na con­du­ção das aqui­si­ções da Une­mat de manei­ra mais ágil e tec­ni­ca­men­te cor­re­ta”, dis­se Dan­zer.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10698/T%E9cnicos%20da%20Unemat%20concluem%20capacita%E7%E3o%20em%20processo%20de%20aquisi%E7%F5es

ByContato - Campus de Diamantino

Núcleo de Ino­va­ção Tec­no­ló­gi­ca foca ações de empre­en­de­do­ris­mo e edu­ca­ção cri­a­ti­va para 2017

O Núcleo de Ino­va­ção Tec­no­ló­gi­co da Une­mat (NIT) vai atu­ar em três fren­tes duran­te o ano de 2017: Edu­ca­ção Cri­a­ti­va, Edu­ca­ção Empre­en­de­do­ra e ampli­a­ção de par­ce­ri­as com foco ao empre­en­de­do­ris­mo para o ano de 2017. O pla­ne­ja­men­to des­sas ações foi apre­sen­ta­do na manhã des­ta quin­ta-fei­ra (23) para a rei­to­ra da Une­mat, pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo.

De acor­do com o coor­de­na­dor do NIT, pro­fes­sor Feli­ci­a­no Azu­a­ga, a Edu­ca­ção Cri­a­ti­va visa uti­li­zar tec­no­lo­gia na sala de aula como, por exem­plo, fer­ra­men­tas do Goo­gle duran­te o pro­ces­so de ensino/​aprendizagem. Com rela­ção a Edu­ca­ção Empre­en­de­do­ra , outro eixo de ação visa a cri­a­ção de star­tups e Empre­sa  Júni­or e desen­vol­vi­men­to de cur­sos de for­ma­ção em empre­en­de­do­ris­mo com os pro­fes­so­res. O ter­cei­ro foco de ação é o for­ta­le­ci­men­to de par­ce­ri­as com outras ins­ti­tui­ções visan­do o empre­en­de­do­ris­mo, entre elas “Célu­las Empre­en­de­do­ras” e “Pro­gra­ma Naci­o­nal de Edu­ca­ção Empre­en­de­do­ra do Sebrae”.

Para Feli­ci­a­no Azu­a­ga e a téc­ni­ca Jaque­li­ne Bal­bi­no, que estão à fren­te des­sas ações lem­bram que o obje­ti­vo do Núcleo é focar nas ações que pos­sam gerar paten­tes, esta­be­le­cer um ban­co de exper­ti­se da Uni­ver­si­da­de com poten­ci­al de tra­ba­lhar jun­to a outras empre­sas e ins­ti­tui­ções, além de garan­tir a par­ti­ci­pa­ção da uni­ver­si­da­de no Par­que Tec­no­ló­gi­co.

Para que as ações pla­ne­ja­das deem resul­ta­dos espe­ra­dos, o NIT tam­bém vai tra­ba­lhar na recons­tru­ção do site e no esta­be­le­ci­men­to de uma polí­ti­ca de comu­ni­ca­ção mais efe­ti­va com a comu­ni­da­de aca­dê­mi­ca, para iden­ti­fi­car e for­ta­le­cer as ações de ino­va­ção que pos­sam sur­gir na uni­ver­si­da­de.

Os inte­res­sa­dos em fazer con­ta­to com o NIT podem envi­ar email para: nit@​unemat.​brdiretoria.​nit@​unemat.​br

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10692/N%FAcleo%20de%20Inova%E7%E3o%20Tecnol%F3gica%20foca%20a%E7%F5es%20de%20empreendedorismo%20e%20educa%E7%E3o%20criativa%20para%202017

ByContato - Campus de Diamantino

Pro­gra­ma de For­ma­ção de Célu­las Coo­pe­ra­ti­vas ava­lia três anos de ati­vi­da­des

Ontem (22), coor­de­na­do­res do Pro­gra­ma de For­ma­ção de Célu­las Coo­pe­ra­ti­vas (Foc­co) se reu­ni­ram para ava­li­ar os impac­tos do pro­gra­ma após três anos de sua implan­ta­ção na Une­mat. Foi dis­cu­ti­do que, além dos seis ex-bol­sis­tas do Foc­co atu­an­do em cur­so de Mes­tra­do, já é pos­sí­vel veri­fi­car, por meio de dados com­pro­ba­tó­ri­os, melho­ri­as sig­ni­fi­ca­ti­vas em apro­va­ção de aca­dê­mi­cos em dis­ci­pli­nas com alto índi­ce de repe­tên­cia. Pro­va dis­so foram os diver­sos tra­ba­lhos apre­sen­ta­dos nos even­tos cien­tí­fi­cos, em espe­ci­al no Semi­ná­rio de Edu­ca­ção (Semi­e­du) e na Jor­na­da Cien­tí­fi­ca.

Após uma ava­li­a­ção cri­te­ri­o­sa fei­ta pelos coor­de­na­do­res locais, Andre Milho­men, Car­los Edi­nei de Oli­vei­ra, Clei­de Maria Gus­mão, Fran­ci­a­no Antu­nes, Gil­de­te Evan­ge­lis­ta, Howen­da Baga­nha, Junio Mar­ti­nes, Kari­ne Nona­to, Mar­ce­lo Holzs­chuh, Mar­cus Dama­ce­no, Maria Eloi­sa Mig­no­ni, Mari­nez Carg­nin Sti­e­ler e Tati­a­ne Boti­ni, e a coor­de­na­do­ra geral, Rena­ta Cin­tra, o novo edi­tal foi reor­ga­ni­za­do e será publi­ca­do em abril. Alguns coor­de­na­do­res não pude­ram estar pre­sen­tes nes­ta reu­nião, mas con­tri­buí­ram envi­an­do suges­tões. No momen­to da reu­nião, a rei­to­ra Ana Maria Di Ren­zo e o vice-rei­tor Ari­el Lopes Tor­res esta­vam em Cui­a­bá, em cum­pri­men­to de agen­da, e tam­bém con­tri­buí­ram opi­nan­do para melho­ria da imple­men­ta­ção do Foc­co na Une­mat.

A rei­to­ra afir­ma que o Foc­co, embo­ra seja um pro­gra­ma com ape­nas três anos de implan­ta­ção na Une­mat, tem con­tri­buí­do para a per­ma­nên­cia de aca­dê­mi­cos na ins­ti­tui­ção “Na medi­da em que o alu­no apren­de a estu­dar por meio da Apren­di­za­gem Coo­pe­ra­ti­va, apren­de melhor o con­teú­do do seu cur­so, soci­a­li­za com outras pes­so­as, fazen­do novas ami­za­des, e tam­bém des­per­ta em si o sen­ti­men­to de per­ten­ci­men­to à ins­ti­tui­ção, e isso faz com que não desis­ta da sua for­ma­ção, e pro­cu­ra moti­var outras pes­so­as a fazer o Ensi­no Supe­ri­or”, afir­ma Ana Di Ren­zo.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10695/Programa%20de%20Forma%E7%E3o%20de%20C%E9lulas%20Cooperativas%20avalia%20tr%EAs%20anos%20de%20atividades

ByContato - Campus de Diamantino

Téc­ni­cos da Une­mat rea­li­zam capa­ci­ta­ção em pro­ces­so de aqui­si­ções

A pedi­do da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so (Une­mat), a Esco­la de Gover­no está ofer­tan­do o cur­so de capa­ci­ta­ção inti­tu­la­do ‘Ela­bo­ra­ção de Ter­mo de Refe­rên­cia’. Com iní­cio ontem (20) e con­clu­são na sex­ta-fei­ra (24), o obje­ti­vo do cur­so é capa­ci­tar ser­vi­do­res téc­ni­cos para toma­da de deci­sões, ins­tru­men­ta­li­za­ção de pro­ces­sos de aqui­si­ções e com­pras gover­na­men­tais e con­tra­tos admi­nis­tra­ti­vos.

Ao todo, 22 ser­vi­do­res de todos os câm­pus da Une­mat foram con­vi­da­dos a par­ti­ci­par da capa­ci­ta­ção. O cur­so desen­vol­ve­rá com­pe­tên­ci­as teó­ri­co-prá­ti­cas quan­to à Ela­bo­ra­ção de Ter­mos de Refe­rên­cia e Pro­ces­sos de aqui­si­ções gover­na­men­tais, bem como geren­ci­ar e moni­to­rar os pro­ces­sos das aqui­si­ções.

O pró-rei­tor de Admi­nis­tra­ção, Val­ter Gus­ta­vo Dan­zer, afir­ma que a qua­li­fi­ca­ção do qua­dro de ser­vi­do­res é neces­sá­rio. “A qua­li­fi­ca­ção é neces­sá­ria para que todos pos­sam auxi­li­ar na con­du­ção das aqui­si­ções da Une­mat de manei­ra mais ágil e tec­ni­ca­men­te cor­re­ta”, dis­se Dan­zer.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10689/T%E9cnicos%20da%20Unemat%20realizam%20capacita%E7%E3o%20em%20processo%20de%20aquisi%E7%F5es

ByContato - Campus de Diamantino

Une­mat rea­bre gale­ria de ex-rei­to­res

A Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so rea­briu a gale­ria de ex-rei­to­res para home­na­ge­ar os anti­gos ges­to­res pelo tra­ba­lho pres­ta­do a Ins­ti­tui­ção, des­de a sua fun­da­ção em 1978, como Ins­ti­tu­to de Ensi­no Supe­ri­or de Cáce­res (Iesc). A sole­ni­da­de acon­te­ceu nes­ta segun­da-fei­ra (20), no gabi­ne­te da Rei­to­ria, em Cáce­res.

A rei­to­ra da Une­mat Ana Di Ren­zo res­sal­tou a neces­si­da­de de pre­ser­var a his­tó­ria e a memó­ria da Uni­ver­si­da­de. “Esse é um ges­to sim­ples onde que­re­mos dizer mui­to obri­ga­do pelo tra­ba­lho que foi pres­ta­do a essa Ins­ti­tui­ção para que pudés­se­mos che­gar onde esta­mos. Hoje são mais de 22 mil aca­dê­mi­cos, cer­ca de 2 mil ser­vi­do­res, entre docen­tes e téc­ni­cos. Esta­mos pre­sen­tes dire­ta­men­te em 42 muni­cí­pi­os des­te Esta­do, e mui­tos  mato-gros­sen­ses não sabem de como come­ça­mos”, afir­mou.

O pro­fes­sor João Por­to, que par­ti­ci­pou do pro­ces­so de cri­a­ção do Iesc, e con­tri­bui com a Une­mat duran­te a ges­tão do pri­mei­ro coor­de­na­dor Edi­val dos Reis, em 1978, rece­beu a home­na­gem em nome do ex-coor­de­na­dor. Ele res­sal­tou o momen­to his­tó­ri­co e entre­gou um rela­to de memó­ria, des­de a cri­a­ção da Ins­ti­tui­ção de Ensi­no Supe­ri­or.

A pro­fes­so­ra Olga Maria Cas­tri­lon Men­des Araú­jo, dire­to­ra do Iesc a par­tir de mar­ço de 1983, agra­de­ceu a home­na­gem e a lem­bran­ça his­tó­ri­ca. Ela lem­brou as difi­cul­da­des pelas quais a ins­ti­tui­ção pas­sou até se con­so­li­dar como uni­ver­si­da­de. “É impor­tan­te dei­xar regis­tra­do esse momen­to de memó­ria”, afir­mou.

Neu­za Bene­di­ta da Sil­va Zat­tar, pro­fes­so­ra apo­sen­ta­da da Une­mat, par­ti­ci­pou do pro­ces­so de cri­a­ção e foi coor­de­na­do­ra da Fun­da­ção Uni­ver­si­tá­ria de Cáce­res, em 1989. Auto­ra do livro “Do IESC à Une­mat: uma his­tó­ria plu­ral 1978–2008”, ela des­ta­cou a rela­ção umbi­li­cal que tem com a uni­ver­si­da­de. “Eu vivi 40 anos da minha vida pro­fis­si­o­nal na Une­mat, e pos­so dizer que foi gra­ças à audá­cia do pro­fes­sor Mal­do­na­do e que pode­mos estar aqui hoje”, dis­se lem­bran­do a ini­ci­a­ti­va do pri­mei­ro rei­tor da Une­mat que ini­ci­ou a expan­são da ofer­ta de cur­sos supe­ri­o­res para o inte­ri­or de Mato Gros­so, como for­ma de for­ta­le­cer a ins­ti­tui­ção e trans­for­má-la em uma uni­ver­si­da­de em 1993.

O ex-rei­tor Arno Rie­der, que assu­miu a ges­tão em 1998, des­ta­cou a par­ti­ci­pa­ção de cada um no pro­ces­so de cons­tru­ção des­ta uni­ver­si­da­de. “Todos os ex-rei­to­res e todos os que por aqui pas­sa­ram con­tri­buí­ram com algum tijo­lo”, dis­se. Essa tam­bém foi a tôni­ca da fala de Tai­sir Karim, úni­co ex-rei­tor ree­lei­to pela comu­ni­da­de aca­dê­mi­ca, que des­ta­cou a his­tó­ria da uni­ver­si­da­de. O pro­fes­sor Dio­nei José da Sil­va, que ante­ce­deu a atu­al rei­to­ra, lem­brou que sem a par­ti­ci­pa­ção de cada pro­fes­sor, alu­no e ser­vi­dor, a Une­mat não seria o que é hoje. “A Une­mat somos nós, e não ape­nas um CNPJ, mas cada um que aju­dou e aju­da a fazer dela o que ela é”.

O pro­fes­sor Adri­a­no Sil­va, ex-rei­tor e depu­ta­do esta­du­al, lem­brou que nos pró­xi­mos dias a Assem­bleia Legis­la­ti­va deve­rá apre­ci­ar o pro­je­to de lei que dá o nome de Pro­fes­sor Car­los Reyes Mal­do­na­do a Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so. O pro­je­to está tra­mi­tan­do na Casa de Leis, des­de o ano pas­sa­do, e deve ser vota­do em mar­ço. “Essa é uma jus­ta home­na­gem ao pro­fes­sor Mal­do­na­do que, com sua visão de futu­ro, pre­pa­rou a expan­são da Uni­ver­si­da­de como for­ma de for­ta­le­cê-la”.

Além dos ex-rei­to­res, ser­vi­do­res e pro­fes­so­res apo­sen­ta­dos tam­bém rece­be­ram uma home­na­gem como do Cer­ti­fi­ca­do de Reco­nhe­ci­men­to Pro­fis­si­o­nal pelo tra­ba­lho dedi­ca­do a ins­ti­tui­ção. Na sole­ni­da­de tam­bém esti­ve­ram pre­sen­tes a ex-rei­to­ra Rosa Maria da Cunha Gar­cia, que suce­deu Mal­do­na­do, e apro­vei­tou o momen­to para agra­de­cer a home­na­gem e lem­bran­ça his­tó­ri­ca.

A pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo, lem­brou ain­da a impor­tân­cia dos outros ex-rei­to­res que não pude­ram com­pa­re­cer ou envi­ar fami­li­a­res ao ato.

Con­fi­ra abai­xo a lis­ta de ex-rei­to­res da Une­mat des­de sua cri­a­ção:

DIRE­TO­RES DO IESC*

1. Edi­val dos Reis Viei­ra Sil­va

17 de agos­to de 1978

2. Miri­am Bene­di­ta Morei­ra Mene­zes

27 de feve­rei­ro de 1980

3. Geral­do Fer­rei­ra Gomes 

14 de abril de 1981

4. Olga Maria Cas­tri­lon Men­des Araú­jo   

28 de mar­ço de 1983

*Indi­ca­dos pela Man­te­ne­do­ra

 

 

COOR­DE­NA­DO­RES

1. Mario Lei­te Vidal Filho * 

24 de novem­bro de 1986-FUCUC

2. Neu­za Bene­di­ta da Sil­va Zat­tar* 

24 de feve­rei­ro de 1989-FUCUC

3. Car­los Alber­to Reys Mal­do­na­do**   

26 de outu­bro de 1989-FCESC

4. Car­los Alber­to Reys Mal­do­na­do* 

maio de 1992-FES­MAT

*Indi­ca­dos pelo Gover­no do Esta­do.

 

**Elei­to pela comu­ni­da­de Aca­dê­mi­ca.

 

O prof. Mário Lei­te Vidal foi nome­a­do

Coor­de­na­dor “pro tem­po­re” em 12/02/1986.

 

 

 

REI­TO­RES DA UNE­MAT 

1. Car­los Alber­to Reyes Mal­do­na­do*

23 de junho de 1994

2. Rosa Maria da Cunha Gar­cia**

10 de janei­ro de 1996

3. Ilma Macha­do*

09 de dezem­bro de 1996

4. Arno Rie­der*

18 de agos­to de 1998

5. Tai­sir Maha­mu­do Karin*

01 de outu­bro de 2002

6. Tai­sir Maha­mu­do Karin*

03 de outu­bro de 2006

7. Adri­a­no Apa­re­ci­do Sil­va*

02 de outu­bro de 2010

8. Dio­nei José da Sil­va***

13 de mar­ço de 2014

9. Ana Maria Di Ren­zo*

01 de janei­ro de 2015

*Elei­tos pela comu­ni­da­de aca­dê­mi­ca.

 

**Assu­me, de acor­do com o Esta­tu­to,

o car­go de Rei­to­ra em subs­ti­tui­ção ao

titu­lar, que se afas­tou para assu­mir o

car­go de Secre­tá­rio de Esta­do de

Edu­ca­ção de Mato Gros­so, em 3/01/1996. 

 

***Assu­me, de acor­do com o Esta­tu­to,

o car­go de Rei­to­ria em subs­ti­tui­ção ao

titu­lar, que se afas­tou para con­cor­rer

a elei­ções esta­du­ais de Mato Gros­so,

em 12/03/2014.

 

* Dados reti­ra­dos de: ZAT­TAR, Neu­za Bene­di­ta da Sil­va. Do IESC à Une­mat: uma his­tó­ria plu­ral 1978–2008. Cáce­res: Edi­to­ra Une­mat, 2008.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10690/Unemat%20reabre%20galeria%20de%20ex-reitores

ByContato - Campus de Diamantino

Pro­fes­sor da Fló­ri­da suge­re mode­los de redes para demons­trar atu­a­ção da Une­mat

O pro­fes­sor da Uni­ver­si­da­de da Fló­ri­da, Cris­topher McCarty, este­ve na manhã des­ta segun­da-fei­ra na Rei­to­ria da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so, em Cáce­res, para apre­sen­tar seu tra­ba­lho de redes como demons­tra­ti­vos das inter­li­ga­ções entre gru­pos de pes­qui­sa, pes­qui­sa­do­res e áre­as do conhe­ci­men­to e atu­a­ção da uni­ver­si­da­de. O mode­lo desen­vol­vi­do pelo pro­fes­sor para a Uni­ver­si­da­de da Flo­ri­da pode­rá ser empre­ga­do pela Une­mat a fim de iden­ti­fi­car os pon­tos e esta­be­le­cer as redes de inte­res­ses comuns tan­to na pes­qui­sa, estu­dos e coo­pe­ra­ções do seu cor­po de pes­qui­sa­do­res.

A apre­sen­ta­ção foi fei­ta pelo pro­fes­sor a rei­to­ra da Une­mat, pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo, pró-rei­tor de Pes­qui­sa e Pós-gra­du­a­ção Rodri­go Zanin,  dire­tor de Pós-gra­du­a­ção Clau­mir Muniz, asses­so­ra de Assun­tos Inter­na­ci­o­nais, Áurea Igná­cio, asses­sor de Assun­tos Inter­no, Dio­nei José da Sil­va, Dire­tor de Tec­no­lo­gia da Infor­ma­ção, Edu­ar­do Zinha­ne. O pro­fes­sor Cris­topher é che­fe do Depar­ta­men­to de Antro­po­lo­gia e dire­tor do Ins­ti­tu­to de Eco­no­mia e Negó­ci­os, e espe­ci­a­lis­ta em estu­dos de network. Esta é a pri­mei­ra vez dele no Bra­sil e sua vin­da se deve a uma arti­cu­la­ção da Rede Bio­nor­te, para minis­trar a dis­ci­pli­na “Tópi­cos espe­ci­ais em con­ser­va­ção: redes soci­ais” com finan­ci­a­men­to do Ins­ti­tu­to NNaci­o­nal de Pes­qui­sa do Pan­ta­nal (INPP) câm­pus avan­ça­do do Museu Emí­lio Goel­di.

A pro­fes­so­ra Caro­li­na Joa­na, que coor­de­na o dou­to­ra­do da Bio­nor­te pela Une­mat, expli­ca que devi­do a agen­da do pro­fes­sor Cris­topher no dou­to­ra­do foi pos­sí­vel arti­cu­lar a visi­ta a Rei­to­ria. Para a pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo, o encon­tro foi mui­to posi­ti­vo, uma vez que abre a pos­si­bi­li­da­de de que a Une­mat pos­se se auto­co­nhe­cer a par­tir do esta­be­le­ci­men­to e cons­tru­ção de uma rede. “Temos mui­to inte­res­ses em ampli­ar os laços com a Uni­ver­si­da­de da Flo­ri­da, quem sabe tra­zer e imple­men­tar esse mode­lo para a nos­sa uni­ver­si­da­de e com isso ter­mos mai­o­res pos­si­bi­li­da­de de cons­tru­ção de redes de rela­ci­o­na­men­to, pes­qui­sas e coo­pe­ra­ção”, afir­mou.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10688/Professor%20da%20Fl%F3rida%20sugere%20modelos%20de%20redes%20para%20demonstrar%20atua%E7%E3o%20da%20Unemat

ByContato - Campus de Diamantino

Rei­to­ra visi­ta novos secre­tá­ri­os de Esta­do para dis­cu­tir exe­cu­ção orça­men­tá­ria

A rei­to­ra da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so (Une­mat), pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo, este­ve nes­ta quin­ta-fei­ra (16) em Cui­a­bá para agen­da com os novos secre­tá­ri­os de Pla­ne­ja­men­to, Gui­lher­me Mul­ler e de Fazen­da, Gus­ta­vo Oli­vei­ra, para dis­cu­tir a exe­cu­ção orça­men­tá­ria e finan­cei­ra da Ins­ti­tui­ção.

Ana Di Ren­zo des­ta­cou que o sal­do das duas reu­niões foram mui­to posi­ti­vos. “Nós esti­ve­mos con­ver­san­do com os secre­tá­ri­os que assu­mi­ram as fun­ções recen­te­men­te para apre­sen­tar a nos­sa Une­mat, mos­trar nos­sos núme­ros e cobrar um com­pro­mis­so do Esta­do no cro­no­gra­ma de repas­ses para que pos­sa­mos cum­prir com o nos­so cus­teio e tam­bém com as con­tra­par­ti­das  da Une­mat, Seci­te­ci e Fape­mat em 17 obras asse­gu­ra­das pelos nos­sos pro­fes­so­res jun­to ao gover­no fede­ral. Nos dois encon­tros obti­ve­mos a garan­tia dos secre­tá­ri­os de aten­der nos­sas soli­ci­ta­ções e de man­ter um diá­lo­go cons­tan­te com a nos­sa equi­pe”, afir­mou a rei­to­ra.

O pró-rei­tor de Pla­ne­ja­men­to e Tec­no­lo­gia da Infor­ma­ção (PRP­TI), Fran­cis­co Lle­do, lem­bra que como refle­xo da emen­da cons­ti­tu­ci­o­nal que des­ti­nou um per­cen­tu­al da recei­ta cor­ren­te líqui­da do Esta­do para a Une­mat, em 2013, nes­te ano. “Hoje a Ins­ti­tui­ção tem las­tro para a cober­tu­ra total da folha de paga­men­to, no entan­to, pre­ci­sa­mos rea­li­zar alguns ajus­tes no nos­so orça­men­to para cobrir alguns défi­cits de cus­teio ao lon­go do ano, por isso esse encon­tro com os secre­tá­ri­os foi fun­da­men­tal para mos­trar nos­sa rea­li­da­de e fazer­mos as ade­qua­ções neces­sá­ri­as”.

Além da rei­to­ra e do pró-rei­tor de Pla­ne­ja­men­to, o pró-rei­tor de Ges­tão Finan­cei­ra, Ale­xan­dre Por­to, ges­tor gover­na­men­tal Júlio Cézar de Lara tam­bém par­ti­ci­pa­ram dos encon­tros que reu­niu tam­bém o secre­tá­rio exe­cu­ti­vo de Pla­ne­ja­men­to, Anil­do Cesá­rio Cor­reia, a secre­tá­ria adjun­ta de orça­men­to da Seplan, Rober­ta Maria Ama­ral de Cas­tro Pin­to Pen­na e Thi­a­go Tenó­rio de Almei­da da Coor­de­na­do­ria de Rela­ci­o­na­men­to Gover­na­men­tal da Sefaz. 

ByContato - Campus de Diamantino

Secre­tá­rio de Ciên­cia e Tec­no­lo­gia conhe­ce a estru­tu­ra da Une­mat

O novo secre­tá­rio de Esta­do de Ciên­cia, Tec­no­lo­gia e Ino­va­ção (Seci­tec), Domin­gos Sávio, este­ve na manhã des­ta sex­ta-fei­ra (17) na Rei­to­ria da Uni­ver­si­da­de do Esta­do de Mato Gros­so (Une­mat), em Cáce­res, para conhe­cer um pou­co mais sobre a Ins­ti­tui­ção, apro­fun­dan­do as rela­ções ins­ti­tu­ci­o­nais, bem como for­ta­le­cen­do as polí­ti­cas de Ciên­cia e Tec­no­lo­gia.

O secre­tá­rio foi recep­ci­o­na­do pela rei­to­ra da Uni­ver­si­da­de, pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo, jun­ta­men­te com pró-rei­to­res e asses­so­res, e pode ter um pano­ra­ma sobre o ensi­no, as pes­qui­sas, a exten­são e ações que já são desen­vol­vi­das pela Une­mat em 42 muni­cí­pi­os do Esta­do, isso sem con­tar a área de abran­gên­cia regi­o­nal e a for­ma­ção indí­ge­na.

A ideia é for­ta­le­cer o diá­lo­go entre as ins­ti­tui­ções, prin­ci­pal­men­te no que tan­ge a neces­si­da­de de ofer­tar cur­sos tec­no­ló­gi­cos sem que para isso seja neces­sá­rio a cri­a­ção de uma outra Ins­ti­tui­ção de Ensi­no Supe­ri­or (IES). A Une­mat já havia soli­ci­ta­do ao gover­na­dor Pedro Taques que fos­se con­sul­ta­da sobre o assun­to e que pudes­se par­ti­ci­par ati­va­men­te na cons­tru­ção des­ta polí­ti­ca e na ofer­ta des­ses cur­sos, ain­da duran­te a ges­tão da ex-secre­tá­ria de Ciên­cia e Tec­no­lo­gia, Luzia Tro­vo. Nes­se pon­to, o atu­al secre­tá­rio, Domin­gos Sávio, se posi­ci­o­nou a favor da pro­pos­ta fei­ta pela Une­mat. “Esses cur­sos devem ficar com a Une­mat, for­ta­le­cen­do assim a Seci­tec e, jun­tos, pode­mos fazer o diag­nós­ti­co de voca­ção dos muni­cí­pi­os. Aguar­do uma minu­ta des­ta par­ce­ria por par­te da Une­mat para os pró­xi­mos dias”, propôs o secre­tá­rio.

Duran­te o encon­tro, o depu­ta­do esta­du­al Leo­nar­do Albu­quer­que apon­tou a Une­mat como a “fer­ra­men­ta pron­ta” para o desen­vol­vi­men­to de Cáce­res e do Esta­do, deven­do ser melhor apro­vei­ta­da pelo Gover­no. O recém empos­sa­do secre­tá­rio afir­mou que pre­ten­de trans­for­mar a Seci­tec numa secre­ta­ria for­te e na “meni­na dos olhos” do gover­na­dor, e que, para atin­gir esse obje­ti­vo, será fun­da­men­tal ter a Une­mat como ali­a­da.

Na reu­nião, a pro­fes­so­ra Ana Di Ren­zo rei­te­rou a neces­si­da­de de dar visi­bi­li­da­de às pes­qui­sas desen­vol­vi­das pela Une­mat. A rei­to­ra tam­bém cobrou a pre­sen­ça da Uni­ver­si­da­de no Par­que Tec­no­ló­gi­co Mato Gros­so. “Nós pode­re­mos estar no Par­que Tec­no­ló­gi­co ini­ci­al­men­te tra­ba­lhan­do com as ques­tões cli­má­ti­cas, uma vez que já temos exper­ti­se, e, gra­da­ti­va­men­te, se fazer pre­sen­te como ins­ti­tu­to de pes­qui­sa com foco para negó­ci­os e inves­ti­men­tos”.  Para a rei­to­ra, além dis­so, o Gover­no de Mato Gros­so pre­ci­sa com­pre­en­der a impor­tân­cia de legi­ti­mar o Ins­ti­tu­to Naci­o­nal de Pes­qui­sa do Pan­ta­nal (INPP), sedi­a­do em Cui­a­bá, mas que envol­ve três IES de Mato Gros­so, entre elas a Une­mat.

A  rei­to­ra lem­brou ain­da que, gra­ças à polí­ti­ca de qua­li­fi­ca­ção da Uni­ver­si­da­de e ampli­a­ção da pes­qui­sa e pós-gra­du­a­ção, a Uni­ver­si­da­de está exe­cu­tan­do 17 obras de infra­es­tru­tu­ra em diver­sos câm­pus que, jun­tas, somam 38 milhões de reais em inves­ti­men­tos. Esses recur­sos foram asse­gu­ra­dos jun­to à Finan­ci­a­do­ra de Estu­dos e Pro­je­tos (Finep) e rece­bem con­tra­par­ti­da da Une­mat, da Seci­tec e da Fun­da­ção de Ampa­ro à Pes­qui­sa do Esta­do de Mato Gros­so (Fape­mat). “Temos uma carên­cia gran­de de infra­es­tru­tu­ra, mas a Une­mat vem fazen­do  lição de casa, pro­cu­ran­do cap­tar recur­sos exter­nos garan­tin­do inú­me­ras melho­ri­as para a Uni­ver­si­da­de”.

A rei­to­ra apro­vei­tou a oca­sião para pedir a solu­ção de ques­tões da Ins­ti­tui­ção, como o afas­ta­men­to para qua­li­fi­ca­ção de ser­vi­do­res da Une­mat. “Qua­li­fi­ca­ção faz par­te da essên­cia da Uni­ver­si­da­de”, afir­mou Ana Di Ren­zo.

Par­ti­ci­pa­ram ain­da os pró-rei­to­res de Admi­nis­tra­ção, Val­ter Dan­zer; de Pla­ne­ja­men­to e Tec­no­lo­gia da Infor­ma­ção, Fran­cis­co Lle­do; de Ges­tão Finan­cei­ra, Ale­xan­dre Por­to; de Ensi­no de Gra­du­a­ção, Vera Maquêa; de Assun­tos Estu­dan­tis, Cel­so Fanaia; a repre­sen­tan­te da Pró-Rei­to­ria de Pes­qui­sa e Pós-Gra­du­a­ção, Luitt Con­cei­ção Orte­ga; e os asses­so­res de Assun­tos Exter­nos e Inter­na­ci­o­nais, Áurea Igná­cio, e de Assun­tos Inter­nos, Dio­nei José da Sil­va; a asses­so­ra de Cul­tu­ra da Pró-Rei­to­ria de Exten­são e Cul­tu­ra (Pro­ec), Mari­nei Almei­da; o dire­tor polí­ti­co-peda­gó­gi­co e finan­cei­ro do Câm­pus de Colí­der, Tales Nereu Bogo­ni; e da Seci­tec, o secre­tá­rio-adjun­to, Alex Jony, e o che­fe de Gabi­ne­te, Joa­ci Sil­va; e os asses­so­res do depu­ta­do Leo­nar­do, Cyna­ra Piran e Joner Cam­pos.

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10686/Secret%E1rio%20de%20Ci%EAncia%20e%20Tecnologia%20conhece%20a%20estrutura%20da%20Unemat

ByContato - Campus de Diamantino

Une­mat apro­va 36 pro­je­tos no edi­tal uni­ver­sal da Fape­mat

A Fun­da­ção de Ampa­ro à Pes­qui­sa de Mato Gros­so (Fape­mat) divul­gou nes­ta quar­ta-fei­ra (15/02) o resul­ta­do do edi­tal uni­ver­sal nº 042 des­ti­na­do a dou­to­res, e a Une­mat teve 36 pro­pos­tas apro­va­das. O mon­tan­te de recur­sos a serem apor­ta­dos pela Fape­mat nos pro­je­tos de pes­qui­sa da Ins­ti­tui­ção che­ga a R$ 1.518.457,48.

Ao todo foram apro­va­dos 113 pro­je­tos de diver­sas ins­ti­tui­ções do Esta­do. Somen­te pes­qui­sa­do­res com titu­la­ção de dou­tor pude­ram con­cor­rer. O pró-rei­tor de Pes­qui­sa e Pós-gra­du­a­ção da Une­mat, pro­fes­sor Rodri­go Zanin, lem­brou que a polí­ti­ca de qua­li­fi­ca­ção da Une­mat em seus pro­fes­so­res e téc­ni­cos estão dan­do resul­ta­dos. “Nes­te edi­tal somen­te dou­to­res pode­ri­am con­cor­rer e o fato de ter­mos hoje mais 450 dou­to­res na Une­mat foi fun­da­men­tal para con­se­guir­mos apor­tar recur­sos exter­nos para finan­ci­ar pes­qui­sas”, diz.

Na fai­xa A pode­ri­am se ins­cre­ver pro­je­tos com valo­res entre R$ 45 e R$ 60 mil, e na fai­xa B os valo­res se limi­ta­vam entre R$ 25 e R$ 45 mil. Con­cor­re­ram no edi­tal 402 pro­je­tos e 113 foram apro­va­dos pela Fun­da­ção de Ampa­ro à Pes­qui­sa que des­ti­na­rá R$ 4.992.533,03.

Os pro­fes­so­res da Une­mat que tive­ram seus pro­je­tos apro­va­dos são:

Fai­xa A:

Mar­co Anto­nio Apa­re­ci­do Barel­li

José Rober­to Ram­bo,

Caro­li­na Joa­na da Sil­va Noguei­ra,

André Fran­co Car­do­so,

Eli­a­ne Ignot­ti,

Rosa­ne Duar­te Selu­chi­nesk,

Val­di­va Rosa­to de Sou­za,

Ale­xan­dre Gon­çal­ves Por­to

José Wil­son Pires Car­va­lho,

Juli­a­na Frei­tag Schwei­kart

 

Fai­xa B:

Ander­son Ghel­ler Fro­eh­li­ch

Rafa­el Cesar Tiep­po

Evan­dro Luiz Scho­nin­ger

Renê Arnoux da Sil­va Cam­pos

Del­mon­te Robo­re­do

Rodri­go de Góes Espe­ron Reis

Luiz Juli­a­no Valé­rio Geron

Mano­el Euzé­bio de Sou­za

Ale­xan­dre Cézar Falei­ro

Ricar­do José da Sil­va

Lean­dro Noguei­ra Pres­si­nott

Wil­kin­son Lopes Láza­ro

Ney­res Zinia Tavei­ra de Jesus

Car­la Gal­bi­a­ti

Minéia Cap­pe­la­ri Fagun­des

Dai­se Lago Perei­ra Sou­to

Leo­nir Aman­ti­no Boff

Wil­li­am Viei­ra Gon­çal­ves

Jai­ro Luis Fleck Fal­cão

Gise­le Carig­na­ni

Jane Eli­za de Almei­da Lacom­be

Cle­ci Grze­bi­e­luc­kas

Mai­con Apa­re­ci­do Sar­tin

Neu­sa Inês Phi­lipp­sen

Ana Lui­za Arti­a­ga Rodri­gues da Mot­ta

Isa­ac New­ton Almei­da Ramos

O resul­ta­do edi­tal uni­ver­sal e as esta­tís­ti­cas das ins­ti­tui­ções podem ser con­fe­ri­do em: http://​www​.fape​mat​.mt​.gov​.br/​r​e​s​u​l​t​a​dos

Fon­te: http://portal.unemat.br/?pg=noticia/10682/Unemat%20aprova%2036%20projetos%20no%20edital%20universal%20da%20Fapemat